Avançar para o conteúdo principal

Energia do vento é maior empregador do distrito

Notícia publicada no Jornal Diário de Notícias, de 2009-09-22.

O consórcio das eólicas liderado pela multinacional alemã Enercon prepara-se para suplantar os Estaleiros Navais de Viana do Castelo e o Centro Hospitalar do Alto Minho no título de maior empregador do distrito e para isso muito vai contribuir a sexta unidade do grupo, que até final do ano vai começar a nascer em Lanheses.

Trata-se de mais 500 postos de trabalho para a fábrica de pás de rotor, a sexta unidade a instalar pela multinacional em Viana do Castelo no âmbito do cluster apelidado de "AutoEuropa do Vento". Actualmente estão em funcionamento no concelho cinco unidades da Enercon, distribuídas pelo Parque Empresarial da Praia Norte e Parque Empresarial de Lanheses. São já cerca de mil postos de trabalho distribuídos pelas fábricas de pás de rotor, que já produz dez unidades por semana, e as de torres de betão, com 83 metros de altura, para instalação dos aerogeradores. Há ainda a somar as fábricas de Mecatrónica e de Geradores, para além de uma unidade de formação e gestão dos parques eólicos do grupo, cujo "nível salarial médio" varia entre 500 e 900 euros.

A instalação da Enercon em Viana do Castelo é vista como um dos marcos mais importantes na história do concelho, que, baseando-se na tecnologia alemã, passou a desenvolver e produzir no Minho o aerogerador mais moderno do mundo. A instalação deste cluster, ao abrigo da vitória do consórcio Eólicas de Portugal na concessão de 1000 MW de potência eólica a distribuir pelo Pais, resultou de contrapartidas instituídas pelo Ministério da Economia e representa um investimento global de 200 milhões de euros. Entre fábricas directa e indirectamente ligadas ao cluster estima-se em cerca de 2500 os postos de trabalho que serão criados em Viana no ramo das eólicas.

MAIS VISUALIZADAS NOS ÚLTIMOS 7 DIAS

Mordoma do cartaz da Romaria d’Agonia 2024 escolhida por concurso

Pela primeira vez na história da Romaria d’Agonia a mordoma do cartaz que leva a maior festa popular portuguesa a todo o mundo será selecionada por um júri entre 20 finalistas, todas elas escolhidas entre as concorrentes, abrindo assim espaço para mulheres com idades entre os 18 e os 35 anos participarem. “Qualquer mulher que sinta a nossa Romaria pode concorrer e pode aspirar a ser a mordoma da festa. É uma inovação que introduzimos este ano, pensando em todas as jovens mulheres que alimentam este sonho”, explicou Manuel Vitorino, presidente da VianaFestas, a entidade organizadora das festas da cidade. O novo regulamento para escolha do cartaz da Romaria de Nossa Senhora d’Agonia vai ser implementado este ano e substitui o modelo anterior, de concurso promovido, que estava em vigor desde 2011, e que implicava escolher o conjunto do autor, do cartaz e da mordoma. No formato para a definição do cartaz da Romaria a estrear este ano, o mesmo passa a contemplar três fases, com qualquer mul

Sabe o que vai acontecer de 4 a 14 de julho?

Os jardins Público e da Marina vão encher-se de atividades com o “MARGINAL - festa no jardim”. Esta 3ª edição inclui concertos, espetáculos de dança, teatro, showcookings, venda de produtos diversos e propostas gastronómicas, Praça Kids, o Viana Beer Fest – Festival de cerveja artesanal (4 a 7 de julho), entre muito mais, sempre de acesso livre.  E porque já estamos em contagem decrescente para a Festa no Jardim, vamos recordar o programa da Festa?

Campo de girassóis chama a atenção em Carreço (Viana)

Um extenso campo de girassóis pinta de amarelo a paisagem na Veiga de Carreço (Viana do Castelo), junto à estrada Nacional 13. Para quem passa por ali é difícil ficar indiferente à imensidão de flores que encanta qualquer um. A beleza é tanta que não falta quem pare por alguns minutos para observar os girassóis e aproveite a paisagem como cenário para tirar algumas fotografias.

“Marginal - Festa no Jardim” arranca a 14 de julho com experiências para toda a família

De 14 a 24 de julho, vai realizar-se no Jardim Público e no Jardim da Marina um evento cheio de experiências diurnas e noturnas para toda a família. Concertos, dança, jogos, showcookings, ateliers, conversas… vão animar a marginal de Viana do Castelo durante 11 dias. Clique na imagem e conheça a programação completa.

O crochet está de volta às ruas de Vila Nova de Cerveira

A 6ª edição do “O Crochet sai à Rua… em Cerveira” volta a espalhar pelo centro histórico desta vila minhota a arte do crochet, recriando o património mais emblemático de cada freguesia, algumas tradições e ainda muitos outros apontamentos criativos em crochet. Para ver até ao final de setembro de 2023.