Avançar para o conteúdo principal

Casa de João Velho

João Velho deve ter nascido pelos anos vinte do século XV.
Em 1456 foi Juiz de Viana. Nesse mesmo ano foi Provedor da Confraria dos Mareantes. Foi escudeiro do Duque de Bragança e embarcou, em 1471, na grande armada para a conquista de Arzila. Foi diversas vezes procurador, por Viana, às cortes e, em 1497, foi mesmo representante de toda a província e Comarca de Entre Douro e Minho a essas magnas reuniões nacionais.
Morreu pouco antes de 1506 e ficou sepultado na Capela do Senhor dos Mareantes.

Extractos retirados do livro "Viana do Castelo 75 Décadas de História, 75 Figuras Notáveis" edição da Câmara Municipal de Viana do Castelo.

A Casa dos Arcos ou de João Velho, implantada no largo da igreja matriz de Viana, é um dos poucos exemplares de arquitectura civil gótica do género que subsiste em Portugal. Foi edificada numa época de grande desenvolvimento económico e social da vila de Viana, devido à importância do seu porto na empresa da expansão ultramarina. A tradição popular afirma que nesta casa terá vivido João Velho o Velho , conhecido navegador e notável da vila, e que aí se hospedou D. Manuel na sua peregrinação a Santiago de Compostela em 1502. No entanto, sabe-se que na realidade João Velho vivia junto à Porta do Postigo, alguns arruamentos abaixo, junto ao rio. Possivelmente esta seria a habitação de seu filho, que tinha o mesmo nome.
É de salientar que a Casa dos Arcos integrava um conjunto de casas existentes no largo da matriz, todas com a mesma estrutura arquitectónica, em que o andar nobre assenta sobre alpendre aberto por arcos. Esta tipologia manifesta evidentes semelhanças com exemplares de arquitectura civil galega da mesma época.





MAIS VISUALIZADAS NOS ÚLTIMOS 7 DIAS

Mordoma do cartaz da Romaria d’Agonia 2024 escolhida por concurso

Pela primeira vez na história da Romaria d’Agonia a mordoma do cartaz que leva a maior festa popular portuguesa a todo o mundo será selecionada por um júri entre 20 finalistas, todas elas escolhidas entre as concorrentes, abrindo assim espaço para mulheres com idades entre os 18 e os 35 anos participarem. “Qualquer mulher que sinta a nossa Romaria pode concorrer e pode aspirar a ser a mordoma da festa. É uma inovação que introduzimos este ano, pensando em todas as jovens mulheres que alimentam este sonho”, explicou Manuel Vitorino, presidente da VianaFestas, a entidade organizadora das festas da cidade. O novo regulamento para escolha do cartaz da Romaria de Nossa Senhora d’Agonia vai ser implementado este ano e substitui o modelo anterior, de concurso promovido, que estava em vigor desde 2011, e que implicava escolher o conjunto do autor, do cartaz e da mordoma. No formato para a definição do cartaz da Romaria a estrear este ano, o mesmo passa a contemplar três fases, com qualquer mul

Sabe o que vai acontecer de 4 a 14 de julho?

Os jardins Público e da Marina vão encher-se de atividades com o “MARGINAL - festa no jardim”. Esta 3ª edição inclui concertos, espetáculos de dança, teatro, showcookings, venda de produtos diversos e propostas gastronómicas, Praça Kids, o Viana Beer Fest – Festival de cerveja artesanal (4 a 7 de julho), entre muito mais, sempre de acesso livre.  E porque já estamos em contagem decrescente para a Festa no Jardim, vamos recordar o programa da Festa?

Campo de girassóis chama a atenção em Carreço (Viana)

Um extenso campo de girassóis pinta de amarelo a paisagem na Veiga de Carreço (Viana do Castelo), junto à estrada Nacional 13. Para quem passa por ali é difícil ficar indiferente à imensidão de flores que encanta qualquer um. A beleza é tanta que não falta quem pare por alguns minutos para observar os girassóis e aproveite a paisagem como cenário para tirar algumas fotografias.

“Marginal - Festa no Jardim” arranca a 14 de julho com experiências para toda a família

De 14 a 24 de julho, vai realizar-se no Jardim Público e no Jardim da Marina um evento cheio de experiências diurnas e noturnas para toda a família. Concertos, dança, jogos, showcookings, ateliers, conversas… vão animar a marginal de Viana do Castelo durante 11 dias. Clique na imagem e conheça a programação completa.

O crochet está de volta às ruas de Vila Nova de Cerveira

A 6ª edição do “O Crochet sai à Rua… em Cerveira” volta a espalhar pelo centro histórico desta vila minhota a arte do crochet, recriando o património mais emblemático de cada freguesia, algumas tradições e ainda muitos outros apontamentos criativos em crochet. Para ver até ao final de setembro de 2023.