Espantalhos serviram para atrair visitantes ao “Toca-me, Viana”

Construídos com recurso a palha, trapos, vestidos com roupas velhas, entre outros materiais, foram vários os modelos de espantalhos espalhados pelos Claustros da Igreja de S. Domingos, em Viana do Castelo, um dos locais que recebeu no passado fim de semana o evento “Toca-me, Viana”, integrado na iniciativa “Viana Criativa”. 
Esta exposição evoca uma prática muito ligada à agricultura, que consiste na colocação dos espantalhos no meio de hortas ou plantações, com o objetivo de afugentar as aves, ao simular a presença do ser humano.




Comentários

Mensagens populares deste blogue

Politécnico estuda com Câmara destino de convento abandonado em Viana do Castelo

Em Viana há um tanque comunitário que ainda cumpre a sua função

Praça de Touros de Viana: Processo de demolição quase concluído

Geoparque Litoral de Viana do Castelo já tem aplicação móvel e sítio na internet