Avançar para o conteúdo principal

“Fábrica de Louça da Meadela” a fazer história desde 1947

A fábrica de louça de Viana sedeada no Lugar do Cais Novo, na freguesia de Darque, Viana do Castelo, iniciou a sua produção de faiança no ano de 1774, vindo a encerrar em1855. 
Só passados noventa e dois anos, em 1947, é que é fundada a Empresa de Cerâmica Regional Vianense, Lda., mais conhecida por Fábrica da Meadela, com o objectivo de retomar a tradição da cerâmica artística vianense. 
Produzida em porcelana, distingue-se por ser totalmente pintada à mão e cozida a uma temperatura de 1400º, que lhe dá uma resistência que outras não possuem. 
Tendo nos últimos anos adoptado a denominação de “Louça Regional de Viana”, produz peças não só decorativas mas também utilitárias e funcionais que podem ser utlizadas no dia a dia. 
A louça regional utilitária e decorativa que esta fábrica produz baseia-se em três motivos distintos: motivos religiosos, florais e brasões de famílias antigas que tiveram a sua história na cidade de Viana. Produz igualmente reproduções do séc. XVII e XVIII de peças existentes no Museu de Artes Decorativas da cidade e também uma nova linha do moderno design cerâmico. 
A atravessar um momento difícil, a fábrica da “Louça Regional de Viana” encontra-se há um ano com a produção suspensa, mantendo somente uma loja/galeria junto à fábrica e um pequeno museu com o valioso espólio de que dispõe.

(clique nas imagens para ampliar e ver melhor)















Comentários

  1. Que beleza de peças. Como é possível deixar acabar esta Fábrica?
    Foi a fábrica de chocolates a Vianense... vai ser a fábrica da Loiça da Meadela e o mais certo também será os Estaleiros Navais de Viana do Castelo. O que de melhor tem a nossa cidade vai desaparecendo.

    ResponderEliminar
  2. Manuela Guerreiro21 outubro, 2013 16:29

    Tenho 61 anos de Idade. Vivo em Viana do Castelo hà 38, Terra onde nasceu o meu saudoso sogro, meu marido e filhos. Viana do Castelo, minha tenha de adopção por motivos óbvios. Já a amava antes de a conhecer. Terra de grandes terrenos de cultivo,rica no sector piscatório, algumas indústrias: Fábrica da Louça Regional, Fábrica de chocolates "A Vianense", algumas empresas texteis (que foram crescendo e que mercê da ganância das administrações foram fechando), o que provocou níveis de desemprego muito acima das percentagens anunciadas.Basta ouvir as notícias e consultar o site da Segurança Social. Presentemente a questão dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo EP-Reconhecida em 1982 e 1983 MELHOR EMPRESA DO ANO!1984-RECONHECIDA SUPER EMPRESA
    DO ANO!Temos apenas paisagem empobrecida, pois o monte de Stª. Luzia tende a desaparecer para dar lugar a prédios fantasmagóricos.Apenas temos mar, revolta humana e maus políticos.

    ResponderEliminar
  3. Que maravilha de peças. Como é possível deixar-se encerrar uma fábrica destas?

    ResponderEliminar
  4. Feixou finalmente o é possivel ainda comprar ? Começei o jogo de mesa, nao esta completo e quero completar... Como faço ?

    ResponderEliminar
  5. Tudo tem um principio , e tudo tem um fim .
    As coisas não são eternas , acabam umas e surgem outras.

    ResponderEliminar
  6. Boa tarde,

    Onde posso adquirir em primeira mão louça(composição original) deste tipo em Viana do Castelo? (Lojas, fábricas armazéns)

    Obrigado pela ajuda.
    Cumprimentos,
    Telmo S.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Apareceu recentemente um serviço de jantar completo à venda no olx

      Eliminar
    2. possuo um serviço completo de loça de Viana pintada á mão que estou a avaliar p
      ara posterior venda .

      Eliminar
  7. Vi hoje por acaso a sua pergunta.Encontra em Viana algumas lojas que vendem loiça decorativa e tb utilitária.Casa verde na avenida,casa Sandra em frente ao jardim,loja de loiças em frente às galerias César na rua Gonçalo Velho.Há tb particulares que vendem em sites de vendas.

    ResponderEliminar
  8. Eu tenho um porta guardachuvas que é um a beleza, decorado com brasões. Aprecio muito esta louça decorativa.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mais visualizadas nos últimos 30 dias

Viana do Castelo com e sem o Edifício Jardim (Prédio Coutinho)

Estas duas imagens não foram manipuladas, são mesmo reais. Já se percebe a mudança na paisagem. Saiu de cena o edifício de 13 andares.

Viana do Castelo volta a viajar no tempo até à época medieval

A Feira Medieval de Viana do Castelo vai voltar às ruas do centro histórico da cidade de 17 a 19 de junho, após a interrupção de dois anos devido à pandemia. A Feira vai contar com um diversificado programa de animação e com a presença de artesãos e restauração. DO PROGRAMA DE ANIMAÇÃO CONSTA NOMEADAMENTE: ANIMAÇÃO ITINERANTE | CORO MEDIEVAL | ESPETÁCULO DE ABERTURA | ESPETÁCULO DE FOGO | CORTEJO DO SÉQUITO REAL | DANÇAS MEDIEVAIS | MÚSICA MEDIEVAL | MARIONETAS | JOGO DO PAU | DEMONSTRAÇÃO  DE VOO LIVRE | BANDA DE GAITEIROS | OUTORGA DO FORAL | OS GUARDAS REAIS | OFICINA DE TIARAS DE FLORES    | JOGOS MEDIEVAIS Consulte a programação completa do evento, com o local e horário de cada animação, clicando AQUI : 

Canhão do século XVIII roubado do interior da Fortaleza de Valença

Um canhão do reinado de D. João V, do século XVIII, pertencente ao Arsenal Real do Exército, foi roubado na madrugada de hoje do baluarte do Socorro, junto à pousada de S. Teotónio, no interior da fortaleza de Valença. Em comunicado enviado às redações, a autarquia da segunda cidade do distrito de Viana do Castelo, adiantou “tratar-se de um magnífico exemplar de armamento bélico, que estava exposto no Baluarte do Socorro, no interior da Fortaleza de Valença”. “Ao que tudo indica, o canhão foi arremessado muralha abaixo, para um patamar intermédio, e novamente atirado para o fosso da fortaleza, onde terá sido recolhido e transportado. Este é um roubo que abrange o património móvel nacional existente na fortaleza de Valença”, refere a nota. A Câmara de Valença “participou a ocorrência à GNR sendo que foi acionada, de imediato, a Polícia Judiciária (PJ) que já esteve no local a recolher provas”. O presidente da Câmara Municipal de Valença, José Manuel Carpinteira manifestou-se “profundame

Campo de girassóis chama a atenção em Carreço (Viana)

Um extenso campo de girassóis pinta de amarelo a paisagem na Veiga de Carreço (Viana do Castelo), junto à estrada Nacional 13. Para quem passa por ali é difícil ficar indiferente à imensidão de flores que encanta qualquer um. A beleza é tanta que não falta quem pare por alguns minutos para observar os girassóis e aproveite a paisagem como cenário para tirar algumas fotografias.

Trajes tradicionais do concelho de Viana

O Traje de Lavradeira, o Traje de Mordoma, o Traje de Noiva, o Traje de Meia Senhora, Traje de Dó, Traje de Domingar, Traje de Feirar, Traje de Trabalho… são principalmente usados nas diversas festas e romarias que se realizam ao longo do ano, por todo o concelho. É o momento escolhido para se trazer o passado ao presente, vestindo um destes trajes tradicionais.  É durante a realização da Romaria da Senhora d’Agonia que se concentra um maior número de trajes, nomeadamente no Desfile da Mordomia, Cortejo Etnográfico e na Festa do Traje, ocasião para se admirar a beleza e riqueza de todos os detalhes dos tradicionais e coloridos trajes das diferentes freguesias do concelho de Viana do Castelo.  Estes são alguns dos trajes que tive oportunidade de contemplar, durante o Cortejo Histórico-Etnográfico e Desfile de Mordomia das Festas de Viana do Castelo deste ano.