Muralha de Monumento Protegido utilizada para secar roupas


O Castelo de Santiago da Barra, em Viana do Castelo, está classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público, através do Decreto nº 47 508, de 24 janeiro 1967, pelo que deve ser objecto de especial proteção e valorização. 
Mas tal fato não impediu que, com a maior descontração e impunidade, alguém espetasse uns ferros na muralha, esticasse umas cordas, improvisasse um estendal e se apropriasse daquele espaço público. Há pessoas que fazem o que lhes apetece e ninguém contesta nada! 
Esta situação não é recente, sendo ainda mais reprovável atendendo ao fato de a uns 20 metros de distância, já no exterior das muralhas, existirem estendais colocados na envolvente ao lavadouro publico da Ribeira, para serem utilizados por qualquer pessoa. 
Lamenta-se a insensibilidade das entidades competentes perante tal desrespeito por um património arquitectónico de grande significado histórico para a cidade.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

CASA VALENÇA | Estabelecimento comercial fundado em 1839

Nova ponte para Viana contemplada no Plano de Recuperação e Resiliência (PRR)

Para ver a banda … tocar!

Elevador de Santa Luzia a subir e descer o Monte há 98 anos