Avançar para o conteúdo principal

Feira de Artesanato abre portas hoje


A Feira de Artesanato da Romaria da Senhora d’Agonia tem lugar no Jardim Público da cidade de Viana do Castelo, e decorre entre os dias 6 e 21 de agosto. Estará aberta ao público das 16h00 às 24h00, e de 19 a 21 de Agosto das 10h00 às 24h00. 
São cerca de 100 artesãos locais (Concelho) e artesãos nacionais, que vão expor e vender até ao dia 21, artigos tão variados como bordados, bijuteria, rendas, louça, calçado, filigrana, cestaria, entre outros.
Esta XV Exposição/Feira de Artesanato Tradicional e Contemporâneo & Manualidades da Romaria da Senhora d’Agonia, instalada ao longo de 350 metros do jardim situado na frente ribeirinha da cidade, junto ao rio Lima, vai ter alguns artesãos a trabalhar ao vivo e inclui ainda animação musical.

Programa de Animação com início às 22H00:
Coreto do Jardim
Dia 6
Orquestra Ligeira Associação Musical Vila Nova de Anha
Dia 7
Cavaquinhos de Mujães
Dia 12
Orquestra de Sopro de Cordas de Outeiro
Dia 17
Serenata do Grupo de Danças e Cantares de Perre

Animação Itinerante
Dia 13
Tocata do Grupo de Alvarães
Dia 14
Tocata do Grupo de Danças e Cantares de Carreço

Praça 1º de Maio
Dia 18
Fados Grupo Desportivo e Cultural dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo

Comentários

  1. A designação bordado de Viana do Castelo atualmente obedece a regras.
    Os bordados identificam uma região. Para serem certificados e numerados são necessário uma série de regras a cumprir (Desenhos de flores ,crivos , cores , linhas a utilizar, etc )
    No entanto vê-se no mercado formas de contornar e confundir o " Controle " destes artigos.
    Aparecem etiquetas com a designação bordado manual de Viana, Bordado à maquina de Viana , Artesanato de Viana , e mais recente Artesanato de Portugal.

    ResponderEliminar
  2. O que se vê para aí !27 outubro, 2016 22:08

    Será normal ver uma artesã reconhecida com o estatuto de Artesão e de unidade Produtiva andar a revender artigos que supostamente nem são executados pela mesma. Apresenta a etiqueta " Bordado Manual de Viana ". Artigos bordados à máquina de Viana ". Estampados com a designação " Artesanato de Viana " .
    As peças manufaturadas certificadas garantem a genuína e autenticidade do produto.
    As designações referenciadas poem duvida muita coisa.
    No entanto no centro cívico podemos observar uma toalha numa montra de um logista. A toalha apresenta tonalidades e designe onde se pode analisar o seguinte:- As cores aplicadas neste tipo de trabalho bordado ,são aplicadas 3 cores vermelho, azul , branco cores estas que regularmente caracterizam as toalhas com a designação à regional. Mandam as " Regras do bom Bordado " que este tipo de bordado , apresente as três cores. Esta em especial fugiu á regra , uma cor não foi aplicada. A linha de cor utilizada não é cor vermelho cardinal , mas sim uma cor vermelho alaranjada. A linha não tem mercenarização , não tem brilho logo não tem qualidade.
    As toalhas para terem beleza devem apresentar crivos com abundancia . O bordado de viana carateriza-se por serie de pormenores onde são utilizadas flores: marias , camélias, corações onde predominam os abertos ou crivos.
    Como complemento aparecem as pastilhas, caracóis , ramos circulares mais fáceis de executar. As barras com espaços de crivo ou abertos são os elementos mais difíceis de executar porque são demorosos e mais trabalhosos. No entanto omitem-se duma forma habilidosa para acabar a peça rápida " Inventam-se flores e ramos compridos para preencher os espaços e a mão de obra ser mais diminuta.
    Dizem os " Expert" que é uma forma de inovar .
    Conversa, o característico mantém-se , não sofre alterações porque desta forma o genuíno deixa de ter valor.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mais visualizadas nos últimos 7 dias

Trajes tradicionais do concelho de Viana

O Traje de Lavradeira, o Traje de Mordoma, o Traje de Noiva, o Traje de Meia Senhora, Traje de Dó, Traje de Domingar, Traje de Feirar, Traje de Trabalho… são principalmente usados nas diversas festas e romarias que se realizam ao longo do ano, por todo o concelho. É o momento escolhido para se trazer o passado ao presente, vestindo um destes trajes tradicionais.  É durante a realização da Romaria da Senhora d’Agonia que se concentra um maior número de trajes, nomeadamente no Desfile da Mordomia, Cortejo Etnográfico e na Festa do Traje, ocasião para se admirar a beleza e riqueza de todos os detalhes dos tradicionais e coloridos trajes das diferentes freguesias do concelho de Viana do Castelo.  Estes são alguns dos trajes que tive oportunidade de contemplar, durante o Cortejo Histórico-Etnográfico e Desfile de Mordomia das Festas de Viana do Castelo deste ano.

Já pouco resta…

Viana do Castelo, 16 de maio de 2022. Já pouco resta do Edifício Jardim, mais conhecido por Prédio Coutinho.

Cortejo académico converte ruas de Viana em palco de festa

O Cortejo Académico do Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC), marcado pela amizade, alegria e cerveja - mui­ta cerveja - animou hoje várias ruas da cidade. Entre saltos e cantoria, milhares de alunos, a pé ou em carros alegóricos, tornaram o cortejo “molhado”, dando “banhos” de cerveja uns aos outros.

Cartaz da Romaria d’Agonia 2022 com 60 propostas a concurso

Sessenta trabalhos concorrem ao prémio de melhor cartaz da Romaria de Nossa Senhora d’Agonia de Viana do Castelo de 2022. O vencedor, para além de ver o seu trabalho utilizado para a divulgação pública da Romaria de Nossa Senhora d’Agonia 2022 a nível Nacional e Internacional, será contemplado com um prémio monetário no valor de 750,00€.  O resultado do concurso vai ser conhecido no dia 26 de maio. A Romaria d’Agonia deste ano vai realizar-se em Viana do Castelo de 17 a 21 de agosto. (Na imagem são mostrados os cinco últimos cartazes vencedores, 2017 a 2021)

Vegetação toma conta do Castelo de Santiago da Barra

Derivado ao interesse histórico e cultural, é urgente que se proceda de imediato à limpeza da vegetação, quer no interior quer na envolvente do Castelo de Santiago da Barra, por forma a dignificar a imagem do monumento e possibilitar o seu usufruto pelos cidadãos de Viana do Castelo e pelos turistas, nacionais e estrangeiros. A vegetação cresce sem qualquer controlo (em alguns sítios chega a alcançar mais de 1 metro de altura), impossibilitando muitas vezes a circulação pelo mesmo. Em julho de 2021, o presidente do Turismo do Porto e Norte disse, em declarações à LUSA, que a reabilitação, por mais de um milhão de euros, do Castelo Santiago da Barra, em Viana do Castelo, onde se encontra instalada a sede da entidade, vai ser candidatada a fundos europeus.  Enquanto esses fundos europeus não chegam para que seja feita essa intervenção mais profunda, era importante que, entretanto, o TPN mandasse efetuar mais vezes o corte da vegetação e limpeza, de modo a evitar o aspeto degradante que a