Avançar para o conteúdo principal

VIANA | Amanhã é dia de queimar o Judas

Amanhã 15 de abril, sábado de Aleluia, a tradição manda que se queime o Judas na Ribeira de Viana.
A União das Freguesias de Viana do Castelo (Santa Maria Maior e Monserrate) e Meadela tem tudo a postos para mais uma manifestação de caráter popular que, como habitualmente, terá como palco o Campo do Castelo, onde às 12H00 vai ser lido o testamento e queimado o Judas, na terceira árvore do caminho de acesso ao Forte de Santiago da Barra.
A "Queima do Judas”, que simboliza a morte de Judas Iscariote, o apóstolo de Jesus Cristo que o entregou aos romanos por trinta moedas, desperta todos os anos muita curiosidade nesta zona ribeirinha da cidade de Viana do Castelo. 
 

Programa da Queima do Judas 2017 
Sábado, dia 15 de abril 

11H00 - Acompanhado por um Grupo de Bombos o cortejo, composto por Juiz, Escrivão, Mensageiro e Carpideiras, percorrerá as seguintes artérias da cidade: Estação da CP, Passeio das Mordomas, Praça da República, Rua Manuel Espregueira, Largo de S. Domingos, Rua Góis Pinto, Rua Monsenhor Daniel Machado e Campo do Castelo.

12H00 - Com a leitura detalhada do testamento pelo Juízes de Fora da nossa mui nobre Ribeira do Condado de Monserrate, proceder-se-á, como ato final, à queima do judas, na terceira árvore do caminho de acesso ao forte de Santiago da Barra.
A representação tem a prestável colaboração dos atores amadores - À Margem - Armazém Teatral.

Queima do Judas na Ribeira de Viana do Castelo

Comentários

  1. SEMPRE A MESMA PALHAÇADA A QUEIMA DO JUDAS NASCEU NO LARGO INFANTE D: HENRIQUE. INFELIZMENTE SÓ SÃO QUEIMADOS OS NINHOS DOS PASARINHOS :


    ResponderEliminar
  2. NÃO ME DIGAM QUE REGRESSOU A CENSURA. PUTIN
    S HÁ MUITOS

    ResponderEliminar
  3. QUEM VAI SER QUEIMADO NÃO É JUDAS. QUEM VAI SER QUEIMADO, SÃO OS QUE VÃO SER
    EXPOSTOS NOS PANFLETOS ( NO LAVAR DA ROUPA SUJA DA NOSSA RIBEIRA)
    JUDAS VAI SER SACRIFICADO INOCENTEMENTE. NA CEIA COM OS APÓSTULOS, JESUS
    VIROU- SE PARA JUDAS E DISSE- LHE:- FAZ O QUE TENS A FAZER. JUDAS OBEDECEU E FEZ
    O QUE TINHA A FAZER :- ENTREGOU JESUS. ESTÃO A INCRIMINAR UM INOCENTE. SANTA IGNORÂNCIA. LAMENTO A IGREJA NADA FAZER EM RELAÇÃO A ESTE TRISTE ESPECTÁCULO.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mais visualizadas nos últimos 7 dias

Campo de girassóis chama a atenção em Carreço (Viana)

Um extenso campo de girassóis pinta de amarelo a paisagem na Veiga de Carreço (Viana do Castelo), junto à estrada Nacional 13. Para quem passa por ali é difícil ficar indiferente à imensidão de flores que encanta qualquer um. A beleza é tanta que não falta quem pare por alguns minutos para observar os girassóis e aproveite a paisagem como cenário para tirar algumas fotografias.

É o fim do Edifício Jardim (Prédio Coutinho)

Hoje, 01 JUL 2022, desaparece definitivamente do Centro Histórico da cidade de Viana do Castelo.

Ponte Eiffel, em Viana, faz 141 anos

Feita em ferro e desenhada no gabinete de Gustave Eiffel, a ponte que liga as duas margens do Lima, entre a cidade de Viana do Castelo e a vila de Darque, foi inaugurada a 30 de junho de 1878, tendo sido construída para substituir a antiga e precária ponte de madeira. A ponte Eiffel de Viana do Castelo foi a primeira ponte rodoferroviária (de dois tabuleiros sobrepostos) construída em Portugal, tem 645 metros de comprimento e dois tabuleiros metálicos, sendo o superior rodoviário, para trânsito automóvel e pedestre, e o inferior ferroviário. (clique na imagem para ver em modo de ecrã inteiro) A Ponte Eiffel de Viana do Castelo (1930/1940)

Viana do Castelo com e sem o Edifício Jardim (Prédio Coutinho)

Estas duas imagens não foram manipuladas, são mesmo reais. Já se percebe a mudança na paisagem. Saiu de cena o edifício de 13 andares.

O Desfile da Mordomia na Romaria d’Agonia

O Desfile da Mordomia é um dos momentos de maior destaque naquela que é considerada a Rainha das Romarias de Portugal. Depois de dois anos de ausência daquele número devido à pandemia, na Romaria d’Agonia 2022 é esperado um recorde de participações. Cerca de 800 mordomas (número máximo aceite pela organização) irão estar no desfile que vai decorrer no dia 18 de agosto. Em 2019 participaram no desfile 619 mordomas. O Desfile da Mordomia é considerado a maior montra de trajes e ouro ao ar livre do país. No deste ano, estima-se que o valor total do ouro que as 800 mordomas vão usar (2,5 quilogramas, em média, cada uma), calculado com base no preço atual, atinja os 94 milhões de euros.