Avançar para o conteúdo principal

VIANA | Festival de Folclore Internacional termina hoje na Praça da República

A 22ª edição do Festival de Folclore Internacional Alto Minho termina este domingo, 22 de julho, em Viana do Castelo.
Entre 16 e 22 de julho, o evento trouxe a Viana do Castelo grupos de seis países, além de sete grupos folclóricos do concelho. Durante sete dias, as formações atuaram em vários locais da cidade e também em Galas na Praça da República.

Para hoje, último dia do Festival, o programa da edição 2018 tem agendado, a partir das 17H30 atuações/desfile pelas Ruas da cidade (Estação – Avenida – Praça da Liberdade) e às 22h00 a GALA DE ENCERRAMENTO na Praça da República, com a participação dos grupos folclóricos da Polónia, Itália, Colômbia, Bolívia, Guiné Bissau, México, Portugal e participação especial do Grupo Etnofolclórico RENASCER de Areosa.

O dia de ontem, entre as 10H00 e as 13H00, ficou marcado pela exibição de danças dos grupos participantes em diferentes locais da cidade e ainda pela Mostra de Produtos na Praça da República (Ver fotos).

(clique na imagem para ver em modo de ecrã inteiro)
















Comentários

  1. Como vianense senti-me envergonhado ao ver alguns destes convidados terem de se vestir e despir na Praça da República, antes de atuar. Temos gente muito bruta a ocupar lugares de responsabilidade!

    ResponderEliminar
  2. Falta-lhes a " Classe " . Estão habituados a lidar, no terreiro da aldeia .

    ResponderEliminar
  3. Como Vianense senti muito orgulho por finalmente este Festival ter atingido a "Classe" que lhe tinha fugido nos últimos anos, com grupos e espectáculos de qualidade. Existem infelizmente pessoas que nem para dormir tiram as "palas"!!! Eu vi que o Museu do Traje, os antigos Paços do concelho e até um vestiário móvel foi colocado ao dispor dos grupos, tendo alguns dos convidados, por opção não o ter usado totalmente, devido à rapidez e necessidade de espaço que necessitam para mudar de roupa durante o seu espectáculo (porque são grupos de qualidade, ao contrário do que era habitual). Mas de fato quem está habituado a ver espectáculos no terreiro das suas aldeias juntamente com o resto do rebanho, dificilmente consegue tirar a poeira dos olhos, para ver claramente tudo o que os rodeia...É a vida....Parabéns à organização foi mágico!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mais visualizadas nos últimos 7 dias

Trajes tradicionais do concelho de Viana

O Traje de Lavradeira, o Traje de Mordoma, o Traje de Noiva, o Traje de Meia Senhora, Traje de Dó, Traje de Domingar, Traje de Feirar, Traje de Trabalho… são principalmente usados nas diversas festas e romarias que se realizam ao longo do ano, por todo o concelho. É o momento escolhido para se trazer o passado ao presente, vestindo um destes trajes tradicionais.  É durante a realização da Romaria da Senhora d’Agonia que se concentra um maior número de trajes, nomeadamente no Desfile da Mordomia, Cortejo Etnográfico e na Festa do Traje, ocasião para se admirar a beleza e riqueza de todos os detalhes dos tradicionais e coloridos trajes das diferentes freguesias do concelho de Viana do Castelo.  Estes são alguns dos trajes que tive oportunidade de contemplar, durante o Cortejo Histórico-Etnográfico e Desfile de Mordomia das Festas de Viana do Castelo deste ano.

Corte de árvore no Jardim Público

Talvez por se encontrar com problemas, e no sentido de garantir maior segurança aos utentes do Jardim Público Marginal da cidade de Viana do Castelo, está a ser cortada uma árvore de grande porte. Neste que é o espaço verde mais antigo da cidade, datado de 1881, existem mais de 150 árvores, na sua maioria tílias.

Campo de girassóis chama a atenção em Carreço (Viana)

Um extenso campo de girassóis pinta de amarelo a paisagem na Veiga de Carreço (Viana do Castelo), junto à estrada Nacional 13. Para quem passa por ali é difícil ficar indiferente à imensidão de flores que encanta qualquer um. A beleza é tanta que não falta quem pare por alguns minutos para observar os girassóis e aproveite a paisagem como cenário para tirar algumas fotografias.

Quem vai ao mar avia-se em terra

Tripulação do “Santa Luzia no Monte” no porto de pesca de Viana do Castelo, a preparar os covos para uma próxima saída para a faina. 

Estacionamento selvagem e a indiferença das autoridades em Viana

Esta situação (15 set 2022) acontece no espaço relvado que rodeia o tanque comunitário na zona da Ribeira de Viana do Castelo. Apesar deste espaço estar vedado com pilaretes de madeira (bastou derrubar 1 ou dois), é usado por cada vez mais pessoas, que impunemente cometem estes abusos com as suas viaturas. De salientar que a cerca de 50 metros deste local existe espaço para estacionamento gratuito para dezenas de viaturas.