Avançar para o conteúdo principal

VIANA | Uma janela virada para o mar

Esta peça escultórica assinala o Alcantilado de Montedor, um dos 5 geossítios classificados como Monumentos Naturais Locais de Viana do Castelo (Alcantilado de Montedor, Pedras Ruivas, Ínsuas do Lima, Canto Marinho e Ribeira de Anha), que constituem o Geoparque Litoral de Viana do Castelo.
Há troços já construídos da Ecovia do Litoral Norte que passam por estes espaços, e permitem visitá-los a pé ou de bicicleta. Há muitos motivos de interesse para explorar.
O geossítio Alcantilado de Montedor corresponde a uma área aproximada de 55 ha, delimitado a norte pelo Forte do Paçô e a sul pela Praia da Cambôa do Marinheiro.

A inscrição gravada na escultura, diz o seguinte: 
O URZAL-TOJAL É UM HABITAT DE BELEZA ÚNICA E DE CONSERVAÇÃO PRIORITÁRIA DA REDE NATURA 2000. ESTÁ ENRAIZADO SOBRE O GRANITO DE MONTEDOR QUE, COM MAIS DE 300 MILHÕES DE ANOS FOI EXUMADO DAS PROFUNDEZAS PELO DESGASTE DAS ROCHAS QUE O COBRIAM E PELA INTENSA ATIVIDADE SISMÍCA, GRAVANDO DESDE HÁ CERCA DE 400 MIL ANOS AS SUBIDAS E DESCIDAS DO NÍVEL DO MAR. A LENTA EVOLUÇÃO CLIMÁTICA QUE ACOMPANHOU ESTAS MUDANÇAS, PATENTE NOS SEDIMENTOS AQUI PRESERVADOS, MOSTRA-NOS QUE HÁ CERCA DE 70 MIL ANOS ESTE LOCAL ERA UM EXTENSO CAMPO DUNAR, COM LAGOS, AFASTADO VÁRIOS QUILÓMETROS DA COSTA. JÁ RECENTEMENTE E DESDE A IDADE DO FERRO, 1200 A 550 ANOS ANTES DE CRISTO, MONTEDOR PRESERVA SALINAS, ARTE RUPESTRE E UM LEGADO ÚNICO, CONHECIDO DESDE A IDADE MÉDIA AS CAMBOAS, COMO A DO MORGADO.

Peça escultórica do Monumento Natural Local do Alcantilado de Montedor, junto à Praia da Cambôa do Marinheiro

Peça escultórica do Monumento Natural Local do Alcantilado de Montedor, junto à Praia da Cambôa do Marinheiro

Comentários

  1. Como habitante de Carreço apenas tenho a dizer que este linda freguesia fica mais bonita sem este monumento escultural
    Os nossos antepassados considerariam inestético , comparativamente a arte ruprestre que deixaram na região.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando o espaço é por si só caracterizado de elementos naturais de incomparável beleza, a tentativa de acrescentar um objecto imbecil com pretensões de significado qualquer, resulta em mais um monumento à pobreza de espírito... Esta porcaria deveria ser demolida rapidamente!

      Eliminar

Enviar um comentário

Mais visualizadas nos últimos 7 dias

Trajes tradicionais do concelho de Viana

O Traje de Lavradeira, o Traje de Mordoma, o Traje de Noiva, o Traje de Meia Senhora, Traje de Dó, Traje de Domingar, Traje de Feirar, Traje de Trabalho… são principalmente usados nas diversas festas e romarias que se realizam ao longo do ano, por todo o concelho. É o momento escolhido para se trazer o passado ao presente, vestindo um destes trajes tradicionais.  É durante a realização da Romaria da Senhora d’Agonia que se concentra um maior número de trajes, nomeadamente no Desfile da Mordomia, Cortejo Etnográfico e na Festa do Traje, ocasião para se admirar a beleza e riqueza de todos os detalhes dos tradicionais e coloridos trajes das diferentes freguesias do concelho de Viana do Castelo.  Estes são alguns dos trajes que tive oportunidade de contemplar, durante o Cortejo Histórico-Etnográfico e Desfile de Mordomia das Festas de Viana do Castelo deste ano.

LIRATOV: O Artista Urbano do Azulejo que ninguém sabe quem é

As dezenas de trabalhos que vai deixando nos mais inesperados locais da cidade de Viana do Castelo e noutras localidades, estão a tornar famoso este artista anónimo. Apesar de manter essa faceta de clandestinidade tem uma página na rede social Instagram ( AQUI ), onde vai partilhando fotografias das suas obras. As fotografias aqui apresentadas, são os últimos trabalhos descobertos recentemente por mim na cidade, executados por LIRATOV, o artista que (quase) ninguém sabe quem ele é.

Olha que três!

Esta foto tem a particularidade de permitir contemplar um dos mais belos enquadramentos arquitetónicos da cidade. O Chafariz-Estátua de Viana, no seu enfiamento, num plano superior a Capela das Malheiras e no alto do monte de Santa Luzia, o Santuário do Sagrado Coração de Jesus (Templo de Santa Luzia).

Bom dia, Viana do Castelo!

Embarcações de pesca e de turismo lado a lado, com o sempre presente navio-museu Gil Eannes, na antiga doca comercial de Viana do Castelo. 

Andando por aí...