VIANA | Invasão de acácias põe em risco urzal-tojal de Montedor

Na freguesia de Carreço (Viana do Castelo), mais propriamente no Alcantilado de Montedor, um dos 5 geossítios classificados como Monumentos Naturais Locais que constituem o Geoparque Litoral de Viana do Castelo, existe uma grande área caracterizada pela presença de vegetação nativa onde predomina a urze e o tojo.
O grau de conservação deste espaço que faz parte da Rede Natura 2000 do concelho de Viana do Castelo é muito preocupante. Assiste-se, nos últimos tempos, a um aumento significativo da superfície ocupada por plantas invasoras do género acácia, que estão a alterar drasticamente este habitat, a ponto de eliminar ou impedir o desenvolvimento das espécies nativas.
O controlo desta espécie invasora é muito mais fácil num estágio inicial, além de se tornar menos dispendioso. Para evitar danos ainda maiores, é necessário atuar urgentemente. A realidade é que elas estão a invadir esta área protegida, e só vai ficar pior, se nada for feito.

(clique na imagem para ver em modo de ecrã inteiro)
Vista do urzal-tojal costeiro de Montedor, Viana do Castelo

Vista do urzal-tojal costeiro de Montedor, Viana do Castelo

Vista do urzal-tojal costeiro de Montedor, Viana do Castelo

Vista do urzal-tojal costeiro de Montedor, Viana do Castelo

Vista do urzal-tojal costeiro de Montedor, Viana do Castelo

Vista do urzal-tojal costeiro de Montedor, Viana do Castelo

Vista do urzal-tojal costeiro de Montedor, Viana do Castelo

Vista do urzal-tojal costeiro de Montedor, Viana do Castelo

Vista do urzal-tojal costeiro de Montedor, Viana do Castelo

O urzal-tojal de Montedor na época de floração no ano de 2017, numa altura em que as plantas invasoras ainda não constituíam um problema.






Comentários

Mensagens populares deste blogue

Dez anos após naufrágio…

Flores embelezam espaço público

Miradouro de Santa Luzia