Jovens de Viana fazem greve às aulas para exigir um planeta melhor

Algumas dezenas de jovens estudantes vianenses fizeram hoje greve às aulas para reivindicar ações urgentes de modo a travar as alterações climáticas.
Concentraram-se junto ao edifício da Câmara Municipal de Viana do Castelo e percorreram várias artérias da cidade, empunhando alguns cartazes onde se podia ler frases como, “A Terra a morrer e os políticos a ver”, “Temos de Agir”, “Se o Planeta fosse um Banco já teria sido salvo” ou “O clima está a mudar e nós não, porquê?”.
Manifestações como esta estão previstas hoje, em mais de 119 países e 1600 cidades. Em Portugal vão ser cerca de 48 os locais onde os estudantes vão chamar a atenção dos decisores políticos e económicos para o futuro do Planeta.
Tudo começou quando em Agosto de 2018, Greta Thunberg, ativista sueca de 16 anos, iniciou um boicote às aulas, sentando-se todas as sextas-feiras à frente do parlamento sueco, exigindo ações urgentes para travar as alterações climáticas. Foi a partir desta ação que se criou a nível mundial uma onda de mobilização liderada por jovens que fazem greve às aulas para reivindicar um Clima melhor.

As imagens da manifestação em Viana











Comentários

Mensagens populares deste blogue

Campo de girassóis chama a atenção em Carreço (Viana)

Projeto de 1ME quer reabilitar Castelo quatrocentista de Viana do Castelo - TPN

41ª Feira do Livro de Viana já tem data e programa

Abandono e degradação do património