Avançar para o conteúdo principal

Expectativa e calma após a hora limite para moradores desocuparem o Prédio Coutinho

Terminava hoje, às 09H00, o prazo para os últimos moradores do Edifício Jardim (mais conhecido por Prédio Coutinho), desocuparem voluntariamente os seus apartamentos. Falava-se no local que por parte dos moradores, havia a intenção de colocarem uma nova ação judicial para tentar travar o processo.
Hoje de manhã, junto ao edifício, era possível ver alguns moradores, câmaras de televisão e jornalistas, polícia muito discreta… e alguns curiosos.

(clique na imagem para ver em modo de ecrã inteiro)







Comentários

  1. Sou um morador. Não temos água para puxar o autoclismo. Aviso que podem chover dejectos a qualquer momento quer do 7.º D como do 3.º E. Recomenda-se aos munícipes reservar alguma distância do prédio como algum decoro nas filmagens das nossas partes baixas que, e dada a falta de higiene forçada, estão borradas. Obrigado e bem hajam.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Senhor morador isso não resolve o seu assunto, pelo contrario agrava! se eu levar com a sua BOSTA apresento queixa com toda a certeza. Quanto as suas partes baixas consulte bem a lei , aconselho , começa a perder toda a sua razão ! E pessoas de bem não fazem publicações / ameaças ANÓNIMAS.

      Eliminar
    2. Amigo José, tem toda a razão. Pensamos melhor e decidimos fazer todos num saquinho que foi passando de fração em fração e eu próprio fui colocá-lo no contentor lá em baixo. Obrigado e bem haja.

      Eliminar
  2. Estamos indignados.26 junho, 2019 07:12

    Estamos iíndígnados .
    O dr Marcelo Rebelo Sousa abandonou os moradores para ir ao São João em Braga.

    ResponderEliminar
  3. So publicam os comentários que lhes interessa neste B , PORTANTO é TENDENCIOSO ...

    ResponderEliminar
  4. Pessoas livres não publicam no anonimato !!

    ResponderEliminar
  5. José sei que foste roubado , espoliado , vieste sem nada , mas Portugal te acolheu de braços abertos .
    Refizeste a tua vida .
    O estaleiro ofereceu-te emprego, recebeste uma boa indemnização.
    Não podes estar a vingar-te da revolução de Abril .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Machibombo a sua resposta não deve ser dirigida a mim. sim nasci em Moçambique, mas o restante não bate certo, de entre os assuntos nunca trabalhei nos estaleiros , etc...
      Se não foram dirigidas a mim , aceito com algumas reservas, porque me identifico com o nome verdadeiro José e nunca com nomes estranhos e anónimos .
      Abraço.

      Eliminar
    2. Com uma mão atrás e outra à frente.

      Eliminar
  6. No estaleiro ninguém falava no José , como é que conseguiu entrar ?
    Revoltado , passou a CDS .
    Comentava não sou retornado , sou refugiado.
    Era um trabalhador como outro qualquer.
    Para entrar no estaleiro, passou a ser vermelho.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mais visualizadas nos últimos 7 dias

O Desfile da Mordomia na Romaria d’Agonia

O Desfile da Mordomia é um dos momentos de maior destaque naquela que é considerada a Rainha das Romarias de Portugal. Depois de dois anos de ausência daquele número devido à pandemia, na Romaria d’Agonia 2022 é esperado um recorde de participações. Cerca de 800 mordomas (número máximo aceite pela organização) irão estar no desfile que vai decorrer no dia 18 de agosto. Em 2019 participaram no desfile 619 mordomas. O Desfile da Mordomia é considerado a maior montra de trajes e ouro ao ar livre do país. No deste ano, estima-se que o valor total do ouro que as 800 mordomas vão usar (2,5 quilogramas, em média, cada uma), calculado com base no preço atual, atinja os 94 milhões de euros.

Os rostos, os trajes e o ouro das Mordomas da Romaria D’Agonia

Começou hoje a Romaria da Senhora da Agonia com o tradicional desfile da Mordomia. Centenas de Mordomas percorreram as ruas da cidade envergando os trajes à Vianesa que tão bem identificam Viana do Castelo. Espalharam pela cidade muita beleza, muitos sorrisos, o colorido dos seus trajes e o brilho do ouro, perante milhares de vianenses e visitantes.

Trajes tradicionais do concelho de Viana

O Traje de Lavradeira, o Traje de Mordoma, o Traje de Noiva, o Traje de Meia Senhora, Traje de Dó, Traje de Domingar, Traje de Feirar, Traje de Trabalho… são principalmente usados nas diversas festas e romarias que se realizam ao longo do ano, por todo o concelho. É o momento escolhido para se trazer o passado ao presente, vestindo um destes trajes tradicionais.  É durante a realização da Romaria da Senhora d’Agonia que se concentra um maior número de trajes, nomeadamente no Desfile da Mordomia, Cortejo Etnográfico e na Festa do Traje, ocasião para se admirar a beleza e riqueza de todos os detalhes dos tradicionais e coloridos trajes das diferentes freguesias do concelho de Viana do Castelo.  Estes são alguns dos trajes que tive oportunidade de contemplar, durante o Cortejo Histórico-Etnográfico e Desfile de Mordomia das Festas de Viana do Castelo deste ano.

Beleza, cor e ouro no Desfile da Mordomia

Amanhã, sexta-feira (16), primeiro dia da Romaria de Nossa Senhora d'Agonia, em Viana do Castelo, mais de 600 mulheres vão desfilar pelas ruas da cidade com os seus trajes e a sua “chieira”, envolta em peças únicas de ouro tradicional. E assim, Viana do Castelo torna-se na maior montra de ouro e palco de tradições. O Desfile da Mordomia é um momento de grande destaque naquela que é considerada a Rainha das Romarias de Portugal. Percurso do Desfile da Mordomia:  Jardins do Antigo Governo Civil, Rua de Aveiro, Rua Nova de Santana, Passeio das Mordomas da Romaria, Avenida Conde da Carreira, Avenida dos Combatentes da Grande Guerra, Alameda João Alves Cerqueira, Largo Vasco da Gama, Largo Amadeu Costa, Rua da Altamira e Largo de S. Domingos.

Campo de girassóis chama a atenção em Carreço (Viana)

Um extenso campo de girassóis pinta de amarelo a paisagem na Veiga de Carreço (Viana do Castelo), junto à estrada Nacional 13. Para quem passa por ali é difícil ficar indiferente à imensidão de flores que encanta qualquer um. A beleza é tanta que não falta quem pare por alguns minutos para observar os girassóis e aproveite a paisagem como cenário para tirar algumas fotografias.