Avançar para o conteúdo principal

Lisboa e Viana vão ser ligadas por comboio Intercidades


Viagem entre as duas cidades será feita em menos de quatro horas e meia. CP apenas aguarda que a IP dê a electrificação por concluída.
A partir de meados de Julho, quando for inaugurada a primeira fase da electrificação da linha do Minho, a CP vai inaugurar uma ligação directa em serviço Intercidades entre Lisboa e Viana do Castelo. Segundo fonte oficial da empresa, esta ligação será assegurada pela extensão de comboios Intercidades já existentes que fazem o percurso Lisboa – Porto, mas que passam a chegar e a partir de Viana em vez de Campanhã. 
No troço Nine – Viana, estes comboios vão efectuar paragem nas localidades de Trofa, Famalicão, Nine, Barcelos e Barroselas. Mas as boas notícias acabam aqui. Entre o Tejo e o Lima só haverá um comboio directo em cada sentido, estando a oferta programada para se sair de Viana de manhã e chegar a Lisboa ao meio-dia. O regresso é feito pelo Intercidades que sai de Santa Apolónia às 17h30 e chega ao Porto às 20h46, seguindo depois para Viana do Castelo.

Notícia do Jornal Público de 2019.06.26
Leia a notícia completa AQUI.

Comentários

  1. A maioria dos vianenses vai a Lisboa uma vez em cada 10 anos. Vai de expresso, demora menos uma hora a lá chegar e paga bastante menos.
    Se metessem estas boas notícias onde o sol não brilha...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tudo que é notícia para Viana é má. Santo Deus.

      Eliminar
  2. O expresso é muito bom para quem pode. Para quem tem problemas de saúde, como eu que não posso fazer longas viagens de autocarro, foi com muito agrado que li esta noticia.
    Há pessoas que só pensam mesmo nelas, só que "as coisas" não acontecem só aos outros.

    ResponderEliminar
  3. o anónimo que disse «a maioria dos VIANENSES vai a Lisboa uma vez cada 10 anos« deve guardar estes comentários estatísticos para si. lembra-me aqueles «parvóides» que ouvi ao longo da minha vida de 70 anos a dizerem "na noite de Natal não há ninguém que não tenha nada para comer» - mas a realidade aqui na outra margem em DARQUE era cruelmente diferente."
    Provávelmente este anónimo pertence ou tem ligações aos grupos, aos interesses instalados que estão a tremer e a temer com a oferta e as melhorias que gradualmente a COMBOIOS DE PORTUGAL vai oferecer a prazo, contráriamente ao objectivo que chegou a estar em cima da mesa de que o serviço ferroviário ficaria circunscrito ao transporte de mercadorias, ficando o transporte de passageiros para os serviços expresso de autocarro, para os tais interesses criados, para os interesses instalados(para os amigos). Os cidadãos com 65 anos de idade tem direito a desconto de 50% no preço do bilhete, em qualquer comboio, em qualquer dia da semana, este tipo de informações e outras de interesse geral, juntamente com a mobilização conjunta da população para exigir-mos melhores composições, melhor serviço, com horários adequados é que deve nortear a nossa intervenção cívica.
    Posições e ou intervenções diletantes como a do cidadão anónimo (mas não muito...)devem merecer a nossa indiferença, quiçá repúdio....
    CONTINUA A SER PRECISO AVISAR A MALTA um abraço solidário (e ferroviário) do ZÉ DO MALHO

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mais visualizadas nos últimos 7 dias

Escadório de Santa Luzia

A Basílica de Santa Luzia, situada no alto do monte com o mesmo nome, é o monumento mais conhecido e visitado da cidade de Viana do Castelo. Para lá chegar tem três opções: a estrada, o funicular ou o escadório. Quem optar pelo funicular, fará um percurso de 650 metros, vencendo um desnível de 160 metros, numa viagem com duração de aproximadamente 7 minutos. Quem se sentir atraído a ir a pé pelo escadório, terá que subir 659 degraus. Subir esta escadaria não é assim tão difícil, basta ir com calma, parando quando o cansaço aparecer. Veja algumas fotografias do escadório de Santa Luzia.

Trajes tradicionais do concelho de Viana

O Traje de Lavradeira, o Traje de Mordoma, o Traje de Noiva, o Traje de Meia Senhora, Traje de Dó, Traje de Domingar, Traje de Feirar, Traje de Trabalho… são principalmente usados nas diversas festas e romarias que se realizam ao longo do ano, por todo o concelho. É o momento escolhido para se trazer o passado ao presente, vestindo um destes trajes tradicionais.  É durante a realização da Romaria da Senhora d’Agonia que se concentra um maior número de trajes, nomeadamente no Desfile da Mordomia, Cortejo Etnográfico e na Festa do Traje, ocasião para se admirar a beleza e riqueza de todos os detalhes dos tradicionais e coloridos trajes das diferentes freguesias do concelho de Viana do Castelo.  Estes são alguns dos trajes que tive oportunidade de contemplar, durante o Cortejo Histórico-Etnográfico e Desfile de Mordomia das Festas de Viana do Castelo deste ano.

Em 2005 era assim...

O Campo d’Agonia / Campo do Castelo num passado não muito remoto. Fotos: Arquivo / Olhar Viana do Castelo

Casa Brasileira a mais antiga confeitaria de Viana do Castelo

A fachada sóbria da “Casa Brasileira”, a mais antiga confeitaria da cidade de Viana do Castelo, “guarda” no seu interior verdadeiras delícias da doçaria tradicional. Fundada por emigrantes no Brasil, que a abriram precisamente no dia 22 de Março de 1902, no edifício onde ainda existe hoje, em pleno centro histórico da cidade, este estabelecimento citadino foi durante muitos anos um ícone dos doces típicos de Viana do Castelo. Mas, como em tudo na vida, esta confeitaria também teve os seus pontos altos e baixos. Os actuais proprietários, Sr. Norberto Martins e D. Maria Graça Ferreira, ex-emigrantes em França, quando em 2004 assumiram a direcção do estabelecimento, encontraram-no com uma deterioração que fazia esquecer os tempos dourados. Aos poucos, foram renovando o espaço e introduzindo nova doçaria de inspiração francesa que, juntamente com a confecção tradicional fez com que o espaço voltasse a ter a fama e a clientela que entretanto tinha perdido. Entre as especialidades serv

Dia de sol em Viana

“A Brasileira”, a confeitaria mais antiga de Viana do Castelo, de portas abertas desde 1902. Rua Sacadura Cabral É sexta-feira!!! Bom fim de semana.