Avançar para o conteúdo principal

Cemitérios de Viana abertos no Dia de Todos os Santos e Finados mas com regras excecionais


Neste ano, devido à pandemia, e para que as famílias possam cumprir a tradição, os cemitérios do concelho de Viana do Castelo estarão abertos para visitas nos dias 1 (Dia de Todos os Santos) e 2 (Dia de Finados) de novembro, com limitação de entradas em simultâneo em cada cemitério (de acordo com a área de cada um), não serão permitidos ajuntamentos de mais de cinco pessoas no interior do cemitério e será limitada a permanência das pessoas até um máximo de 30 minutos.
A par disso, os utentes devem respeitar as regras de distanciamento social, sendo obrigatório o uso de máscara. 
O controlo destas medidas vai contar com o apoio da Corpo Nacional de Escutas (CNE) e forças de segurança.

Comentários

  1. Uma questão pertinente.
    Os jazigos são uma fonte de história.
    Além de ser obras de arte ,apresentam referências de familias abastadas que viveram em Viana .
    O que está a acontecer ?
    Estão a apagar (história ) dados, e a dar outro destino aos mesmos.
    Muita gente não sabe ,que essas obras de arte ,são uma boa receita .
    Os seus fundadores na grande parte deles deixaram em testamento ,regras ; compraram o espaço a titulo de sepultura perpétuo ,com direito a missas . Ao mesmo tempo deixaram , verbas (dinheiro) para os manter limpos e asseados .
    Na realidade isso nâo acontece ,ninguém fiscaliza os procedimentos e acabam por se ver abandonados e até desprezados .
    Um jazigo em Aveiro da familia de Francisco Augusto da Silva Rocha , a familia recorreu a tribunal .
    Inadvertidamente retiraram os restos mortais. A desculpa aplausível, eram dados como abandonados, ,mas na verdade é que as regras defenidas pelos seus fundadores nunca eram cumpridas conforme eram redigidas em testamento.
    Depois surgem casos caricatos como aconteceu vem próximo á cidade .
    Um presidente de junta voltou a repôr tudo como estava ,porque este estava a prevaricar , tomar posse do que não devia .

    ResponderEliminar
  2. O que se faz aos fundadores de espaços de culto denominadamente em Jazigos Capela e Jazigos Carneiros porque o resto năo interessa.03 novembro, 2020 11:09

    Uma nova classe "novos ricos" estão a adquirir os mesmos em haste pública.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mais visualizadas nos últimos 7 dias

Trajes tradicionais do concelho de Viana

O Traje de Lavradeira, o Traje de Mordoma, o Traje de Noiva, o Traje de Meia Senhora, Traje de Dó, Traje de Domingar, Traje de Feirar, Traje de Trabalho… são principalmente usados nas diversas festas e romarias que se realizam ao longo do ano, por todo o concelho. É o momento escolhido para se trazer o passado ao presente, vestindo um destes trajes tradicionais.  É durante a realização da Romaria da Senhora d’Agonia que se concentra um maior número de trajes, nomeadamente no Desfile da Mordomia, Cortejo Etnográfico e na Festa do Traje, ocasião para se admirar a beleza e riqueza de todos os detalhes dos tradicionais e coloridos trajes das diferentes freguesias do concelho de Viana do Castelo.  Estes são alguns dos trajes que tive oportunidade de contemplar, durante o Cortejo Histórico-Etnográfico e Desfile de Mordomia das Festas de Viana do Castelo deste ano.

Já pouco resta…

Viana do Castelo, 16 de maio de 2022. Já pouco resta do Edifício Jardim, mais conhecido por Prédio Coutinho.

Cortejo académico converte ruas de Viana em palco de festa

O Cortejo Académico do Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC), marcado pela amizade, alegria e cerveja - mui­ta cerveja - animou hoje várias ruas da cidade. Entre saltos e cantoria, milhares de alunos, a pé ou em carros alegóricos, tornaram o cortejo “molhado”, dando “banhos” de cerveja uns aos outros.

Cartaz da Romaria d’Agonia 2022 com 60 propostas a concurso

Sessenta trabalhos concorrem ao prémio de melhor cartaz da Romaria de Nossa Senhora d’Agonia de Viana do Castelo de 2022. O vencedor, para além de ver o seu trabalho utilizado para a divulgação pública da Romaria de Nossa Senhora d’Agonia 2022 a nível Nacional e Internacional, será contemplado com um prémio monetário no valor de 750,00€.  O resultado do concurso vai ser conhecido no dia 26 de maio. A Romaria d’Agonia deste ano vai realizar-se em Viana do Castelo de 17 a 21 de agosto. (Na imagem são mostrados os cinco últimos cartazes vencedores, 2017 a 2021)

Vegetação toma conta do Castelo de Santiago da Barra

Derivado ao interesse histórico e cultural, é urgente que se proceda de imediato à limpeza da vegetação, quer no interior quer na envolvente do Castelo de Santiago da Barra, por forma a dignificar a imagem do monumento e possibilitar o seu usufruto pelos cidadãos de Viana do Castelo e pelos turistas, nacionais e estrangeiros. A vegetação cresce sem qualquer controlo (em alguns sítios chega a alcançar mais de 1 metro de altura), impossibilitando muitas vezes a circulação pelo mesmo. Em julho de 2021, o presidente do Turismo do Porto e Norte disse, em declarações à LUSA, que a reabilitação, por mais de um milhão de euros, do Castelo Santiago da Barra, em Viana do Castelo, onde se encontra instalada a sede da entidade, vai ser candidatada a fundos europeus.  Enquanto esses fundos europeus não chegam para que seja feita essa intervenção mais profunda, era importante que, entretanto, o TPN mandasse efetuar mais vezes o corte da vegetação e limpeza, de modo a evitar o aspeto degradante que a