Avançar para o conteúdo principal

Seis pirogas encontradas no rio Lima em Viana do Castelo classificadas "tesouro nacional"

 

O Governo aprovou hoje, em Conselho de Ministros, o decreto que classifica, como conjunto de interesse nacional diversos bens móveis arqueológicos náuticos e subaquáticos, sendo-lhes atribuída a designação de "tesouro nacional": as seis pirogas monóxilas provenientes de recolha arqueológica subaquática realizada no rio Lima, em Viana do Castelo; os três astrolábios provenientes de recolha arqueológica subaquática realizada em São Julião da Barra, e os dez canhões provenientes de recolha arqueológica subaquática, realizada na Ponta do Altar.


As pirogas monóxilas são embarcações construídas a partir de um único tronco de árvore, neste caso de carvalho. Este conjunto apresenta um interesse arqueológico e patrimonial muito relevante enquanto testemunho notável da navegação em Portugal, e da travessia do Rio Lima em particular, desde a Idade do Ferro até à Baixa Idade Média. A dimensão do conjunto e de cada exemplar (uma delas com quase 7m de comprimento), o seu estado de conservação e a antiguidade de alguns exemplares não têm paralelo na Península Ibérica, sendo também únicos em Portugal.


As pirogas foram encontradas nos sítios de Lanheses e Lugar da Passagem, Freguesias de Lanheses e Geraz do Lima, concelho de Viana do Castelo. O achado da primeira piroga do conjunto remonta aos anos 80 do século XX.

Comentários

Mais visualizadas nos últimos 7 dias

Trajes tradicionais do concelho de Viana

O Traje de Lavradeira, o Traje de Mordoma, o Traje de Noiva, o Traje de Meia Senhora, Traje de Dó, Traje de Domingar, Traje de Feirar, Traje de Trabalho… são principalmente usados nas diversas festas e romarias que se realizam ao longo do ano, por todo o concelho. É o momento escolhido para se trazer o passado ao presente, vestindo um destes trajes tradicionais.  É durante a realização da Romaria da Senhora d’Agonia que se concentra um maior número de trajes, nomeadamente no Desfile da Mordomia, Cortejo Etnográfico e na Festa do Traje, ocasião para se admirar a beleza e riqueza de todos os detalhes dos tradicionais e coloridos trajes das diferentes freguesias do concelho de Viana do Castelo.  Estes são alguns dos trajes que tive oportunidade de contemplar, durante o Cortejo Histórico-Etnográfico e Desfile de Mordomia das Festas de Viana do Castelo deste ano.

Já pouco resta…

Viana do Castelo, 16 de maio de 2022. Já pouco resta do Edifício Jardim, mais conhecido por Prédio Coutinho.

Cartaz da Romaria d’Agonia 2022 com 60 propostas a concurso

Sessenta trabalhos concorrem ao prémio de melhor cartaz da Romaria de Nossa Senhora d’Agonia de Viana do Castelo de 2022. O vencedor, para além de ver o seu trabalho utilizado para a divulgação pública da Romaria de Nossa Senhora d’Agonia 2022 a nível Nacional e Internacional, será contemplado com um prémio monetário no valor de 750,00€.  O resultado do concurso vai ser conhecido no dia 26 de maio. A Romaria d’Agonia deste ano vai realizar-se em Viana do Castelo de 17 a 21 de agosto. (Na imagem são mostrados os cinco últimos cartazes vencedores, 2017 a 2021)

Rio Lima foi cenário para canoagem

Num cenário tranquilo, acompanhado pela centenária Ponte Eiffel, as águas calmas do rio Lima, em Viana do Castelo, foram tomadas no passado fim de semana por dezenas de alunos que coloriram o local com as suas canoas, para disputarem mais uma edição dos Campeonatos Nacionais Escolares de Juvenis, do Desporto Escolar, na modalidade de Canoagem. Os mais de 1000 alunos e cerca de 200 professores, participantes nos Campeonatos Nacionais Escolares de Juvenis, do Desporto Escolar, estiveram em Viana do Castelo e Caminha, onde decorreram, de 19 a 22 de maio, as competições nas modalidades de Atletismo, Badminton, Basquetebol, Canoagem, Futsal, Natação, Remo, Surf, Ténis de Mesa, Vela e Voleibol.

Exposição “O Traje à Vianesa - produto certificado”

Pela variedade, beleza, cores e riqueza artística, o traje à “Vianesa” tem características únicas que o tornam inconfundível em qualquer parte do mundo. É esta grande variedade de trajes, cores e ornamentos que constituem a herança de um passado distante e que são a expressão da cultura popular vianense. Toda da a beleza do traje à “Vianesa” pode ser admirada na exposição “Traje à Vianesa – Produto Certificado”, no Museu do Traje da cidade de Viana do Castelo.