O Navio-Museu de Viana do Castelo de volta à doca comercial

Regressou ontem à doca comercial de Viana do Castelo, o antigo navio-hospital Gil Eannes, depois de ter sido sujeito a uma reparação e beneficiação do casco, realizada nos Estaleiros Navais de Viana que o construíram em 1955. Nesta intervenção foram gastos cerca de 75.000 euros.
Numa segunda fase, a decorrer até ao final do ano, vão ser reabilitados novos espaços museológicos, estando orçados estes trabalhos em 750.000 euros.
No entanto, o normal funcionamento do navio museu vai ser retomado para as visitas a partir de sábado dia 16 de março.
O Gil Eannes foi aberto ao público em 1998 como um navio-museu, administrado pela Fundação Gil Eannes, assumindo-se desde então como polo de atratividade para Viana do Castelo.

(clique nas imagens para ampliar e ver melhor)




Comentários

  1. Na verdade isto é verdadeiro escandalo.
    Ainda acabaram á pouco uma obra no barco de 75,000 euros e já estão a projectar outra no valor de
    750.OOO euros.
    Há coisa de minutos a televisão anunciava que o ano de 2014 será negro, mais desemprego e fome neste País.O panorama do País e negro.
    Esta gente gasta dinheiro a torto e direito como se nada fosse.
    Que raio de gestores são estes que gastam o dinheiro duma forma fácil , quando o dinheiro deveria ser aplicado em areas sociais para limitar a fome , ajudar as pessoas que estão em dificuldade.
    Cantemos " Oh tempo volta para trás " ,ponham cobro a isto.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Enorme máquina giratória vai “triturar” mais de 15 mil toneladas de materiais dos 13 andares do prédio Coutinho

Queixa contra desconstrução do prédio Coutinho arquivada pelo MP

Morreu a ''PALMIRINHA''

Laboratório do mar com minissubmarino e aquário abriu em Viana do Castelo