Avançar para o conteúdo principal

Ecovia une Portinho do Lumiar e o Forte da Praia Norte

Para quem gosta de natureza, andar de bicicleta, correr ou caminhar pela Ecovia Litoral de Viana do Castelo é uma excelente opção.  
Mais um registo fotográfico da evolução dos trabalhos da construção da Ecovia Litoral de Viana do Castelo, no troço compreendido entre o Portinho do Lumiar (Carreço) e o Forte da Praia Norte, numa extensão de 4,4 quilómetros.

(clique na imagem par ampliar e ver melhor)












Saiba mais sobre a Ecovia Litoral de Viana do Castelo, clicando AQUI.

Comentários

  1. Partilho a minha experiência da única vez que lá fui:
    - Cerca de oito pessoas/famílias a passear cães;
    - Bandos de ciclistas a ocupar toda a largura da ecovia, sem se desviarem dos corredores e caminhantes;
    - Garrafas de água vazias pelo chão;
    - Latas de refrigerantes e de bebidas energéticas, idem;
    - O percurso em terra batida (cerca de 90% do total) é curvo, pelo que só permite correr ao meio para evitar inclinar os pés e arriscar lesões;
    - O percurso em terra batida já exibe as consequências da chuva, pelo que pouco faltará para se transformar num caminho de cabras.
    Em resumo, uma boa ideia mal colocada em prática.

    ResponderEliminar
  2. Está espectacular, mas faltam caixotes para o lixo.... Urgente!!! Obrigado

    ResponderEliminar
  3. Logo na primeira foto vemos os ciclistas a circular num - «Passeio» - superfície da via pública, em geral sobrelevada, especialmente destinada ao trânsito de peões e que ladeia a faixa de rodagem - como tal definido no art.º 1º, alínea n) do Código da Estrada (CE), pelo que, o ciclista adulto está a transgredir o disposto no art.º 17º, n.º 1 do CE - Os veículos só podem circular nas bermas ou nos passeios desde que o acesso aos prédios o exija, salvo as exceções previstas em regulamento local - e o jovem, estará excecionado pelo n.º 2 do mesmo artigo - Os velocípedes conduzidos por crianças até 10 anos podem circular nos passeios, desde que não ponham em perigo ou perturbem os peões - se tiver menos de 10 anos. A infração, é, nos termos do n.º 4 do mesmo art.º - Quem infringir o disposto no n.º 1 é sancionado com coima de (euro) 60 a (euro) 300 - punida.
    Esta ecocoisa é um caro conjunto de equívocos, com sinalização contraditória, sem respeito pela necessária segregação entre peões e ciclistas, mal desenhada, mal concebida e cujos responsáveis seguem impunes pela sua irresponsabilidade e pelo esbanjar de dinheiros públicos.
    Entretanto, a rede viária da zona, incluindo acessos às praias para peões, ciclistas e automóveis, continua lastimável, em grande parte com calçada em condições penosas para todos e o saneamento inexistente na maioria das casas com fossas a lixiviar para as praias.
    Perde-se assim uma excelente oportunidade de fazer uma verdadeira requalificação da orla costeira gastando-se 17M€ numa obra inútil e que rapidamente estará votada ao abandono.

    ResponderEliminar
  4. Vamos chegar a um bonito valor quando alguém se der ao trabalho de estimar os custos de manutenção desta obra no final de cada Inverno ao longo da sua vida útil...

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mais visualizadas nos últimos 30 dias

Viana do Castelo com e sem o Edifício Jardim (Prédio Coutinho)

Estas duas imagens não foram manipuladas, são mesmo reais. Já se percebe a mudança na paisagem. Saiu de cena o edifício de 13 andares.

Viana do Castelo volta a viajar no tempo até à época medieval

A Feira Medieval de Viana do Castelo vai voltar às ruas do centro histórico da cidade de 17 a 19 de junho, após a interrupção de dois anos devido à pandemia. A Feira vai contar com um diversificado programa de animação e com a presença de artesãos e restauração. DO PROGRAMA DE ANIMAÇÃO CONSTA NOMEADAMENTE: ANIMAÇÃO ITINERANTE | CORO MEDIEVAL | ESPETÁCULO DE ABERTURA | ESPETÁCULO DE FOGO | CORTEJO DO SÉQUITO REAL | DANÇAS MEDIEVAIS | MÚSICA MEDIEVAL | MARIONETAS | JOGO DO PAU | DEMONSTRAÇÃO  DE VOO LIVRE | BANDA DE GAITEIROS | OUTORGA DO FORAL | OS GUARDAS REAIS | OFICINA DE TIARAS DE FLORES    | JOGOS MEDIEVAIS Consulte a programação completa do evento, com o local e horário de cada animação, clicando AQUI : 

Canhão do século XVIII roubado do interior da Fortaleza de Valença

Um canhão do reinado de D. João V, do século XVIII, pertencente ao Arsenal Real do Exército, foi roubado na madrugada de hoje do baluarte do Socorro, junto à pousada de S. Teotónio, no interior da fortaleza de Valença. Em comunicado enviado às redações, a autarquia da segunda cidade do distrito de Viana do Castelo, adiantou “tratar-se de um magnífico exemplar de armamento bélico, que estava exposto no Baluarte do Socorro, no interior da Fortaleza de Valença”. “Ao que tudo indica, o canhão foi arremessado muralha abaixo, para um patamar intermédio, e novamente atirado para o fosso da fortaleza, onde terá sido recolhido e transportado. Este é um roubo que abrange o património móvel nacional existente na fortaleza de Valença”, refere a nota. A Câmara de Valença “participou a ocorrência à GNR sendo que foi acionada, de imediato, a Polícia Judiciária (PJ) que já esteve no local a recolher provas”. O presidente da Câmara Municipal de Valença, José Manuel Carpinteira manifestou-se “profundame

Campo de girassóis chama a atenção em Carreço (Viana)

Um extenso campo de girassóis pinta de amarelo a paisagem na Veiga de Carreço (Viana do Castelo), junto à estrada Nacional 13. Para quem passa por ali é difícil ficar indiferente à imensidão de flores que encanta qualquer um. A beleza é tanta que não falta quem pare por alguns minutos para observar os girassóis e aproveite a paisagem como cenário para tirar algumas fotografias.

Trajes tradicionais do concelho de Viana

O Traje de Lavradeira, o Traje de Mordoma, o Traje de Noiva, o Traje de Meia Senhora, Traje de Dó, Traje de Domingar, Traje de Feirar, Traje de Trabalho… são principalmente usados nas diversas festas e romarias que se realizam ao longo do ano, por todo o concelho. É o momento escolhido para se trazer o passado ao presente, vestindo um destes trajes tradicionais.  É durante a realização da Romaria da Senhora d’Agonia que se concentra um maior número de trajes, nomeadamente no Desfile da Mordomia, Cortejo Etnográfico e na Festa do Traje, ocasião para se admirar a beleza e riqueza de todos os detalhes dos tradicionais e coloridos trajes das diferentes freguesias do concelho de Viana do Castelo.  Estes são alguns dos trajes que tive oportunidade de contemplar, durante o Cortejo Histórico-Etnográfico e Desfile de Mordomia das Festas de Viana do Castelo deste ano.