Avançar para o conteúdo principal

Retomada tradição da Páscoa de visita a 16 igrejas e capelas de Viana do Castelo

 

Dezasseis igrejas e capelas de Viana do Castelo voltam a abrir este ano, na noite de Quinta-Feira Santa, à oração e à visita presencial dos fiéis, numa das principais tradições da Páscoa no concelho, foi hoje divulgado.

Contactada pela agência Lusa, fonte da diocese de Viana do Castelo adiantou que as 16 igrejas integram as celebrações da Semana Santa, sendo que o número de templos de portas abertas poderá ser superior se também participarem as igrejas e capelas privadas ou do domínio municipal.

É o caso das capelas do Museu de Artes Decorativas, das Malheiras (Séc. XVIII) e do Navio-Hospital Gil Eannes.

A fonte da diocese de Viana do Castelo explicou que as igrejas do Santuário de Santa Luzia, no monte com o mesmo nome, das Almas e São Bento, nas proximidades do prédio Coutinho, atualmente em fase de desconstrução, a igreja de São Francisco, da Ordem Terceira, e Igreja da Caridade não vão abrir portas.

Segundo aquela fonte, a igreja da Caridade invocou razões de segurança devido à pandemia de covid-19, por só circularem no interior do templo os utentes do lar de idosos da instituição.

Já as igrejas de São Francisco, junto ao cemitério de Santo António, e a de São Bento não abrem portas por necessitarem de obras de recuperação.

Após dois anos de interrupção devido à pandemia de covid-19, o roteiro integra um total de 16 templos, entre os quais a Sé Catedral e a Capela das Almas, que foi a primeira Matriz de Viana do Castelo.

Abrem ainda as igrejas do Santuário de Nossa Senhora d’Agonia, de Nossa Senhora de Monserrate, em São Domingos, da Misericórdia, do Carmo, de Nossa Senhora de Fátima e da Sagrada Família.

Os fiéis podem ainda visitar as capelas de Nossa Senhora do Resgate, na Rua da Bandeira, da Casa da Carreira, no edifício da Câmara Municipal, de Santa Rita, na Rua de Santiago, do Carmelo de Santa Teresinha, do seminário de Viana do Castelo, a de Nossa Senhora das Candeias, a de Santa Catarina, a de Nossa Senhora da Conceição, a do hospital de Santa Luzia e a capela de São Roque.

A fonte da diocese de Viana do Castelo alertou ser “obrigatório o uso de máscara em todas as celebrações pascais, e sublinhou que na Paixão de Cristo não vai ser permitido beijar a imagem, bem como nas visitas pascais às casas dos fiéis apenas entrará um grupo reduzido de representante da igreja, não sendo também permitido beijar a Cruz”.

As visitas começam a partir das 20:00, após a missa da Ceia do Senhor, e terminam às 24:00.

Manda a tradição que a visita, que antes da pandemia de covid-19 mobilizava milhares de pessoas, seja em número ímpar de templos, todos engalanados de flores, uma vez que os principais quadros religiosos alusivos à Páscoa também são compostos por números ímpares, como as três quedas de Cristo a caminho do Calvário e as cinco chagas.

Para Sexta-feira Santa, está marcada a celebração da Paixão do Senhor e a Via-Sacra na cidade, com início no santuário de Nossa Senhora d'Agonia, passando pela Praça General Barbosa, Largo de S. Domingos, Rua de Altamira, Largo Vasco da Gama, Rua Alves Cerqueira, Avenida dos Combatentes da Grande Guerra, Avenida Conde da Carreira, Passeio das Mordomas da Romaria, Praça da República e terminando na Sé Catedral.

No sábado decorre uma vigília pascal, estando marcada para domingo a tradicional visita pascal, cujo compasso irá ao Salão Nobre da Câmara Municipal.

Em 2021, a Câmara de Viana do Castelo, através das redes sociais, promoveu um roteiro virtual de apresentação de sete igrejas e capelas da cidade, para assinalar a Quinta-feira Santa.


24 mar 2022 (Lusa) 

Comentários

Mais visualizadas nos últimos 30 dias

Trânsito condicionado junto à antiga Somartis, Viana do Castelo, a partir da próxima segunda-feira

Em virtude da construção de nova rotunda no cruzamento da Avenida 25 de Abril com a Rua de Monserrate (antiga Somartis), a partir da próxima segunda-feira, dia 9 de maio, vai ser necessário proceder a condicionamentos de trânsito. A circulação no local far-se-á de forma alternada. Fica o aviso… para que não seja apanhado(a) de surpresa.

Maio é mês de celebrar as flores em Viana do Castelo

O Viana Florida 2022 está aí. A Estátua de Viana já se apresenta embelezada com centenas de flores.  A Câmara Municipal realiza pelo oitavo ano, no mês de maio, o evento “Viana Florida”, que envolve diversas experiências enaltecendo as flores, os jardins e os espaços verdes.  Das diversas iniciativas que se vão realizar ao longo do mês, realce para o Jardim Florido do 50.º aniversário da APPACDM, dia 13, na Praça da República, confeção de um Tapete de Sal pelas gentes da ribeira, dia 13, no Jardim Público, encontro das Festas Floridas , dias 14 e 15, no Jardim Público, e Festival de Flores e Arranjos Florais de grandes dimensões, dias 14 e 15, na Praça da Liberdade e Rua da Picota. Haverá ainda exposição, feirão com petiscos tradicionais, atividades infantis com insufláveis, animação musical de rua com Bandas de música… sex 13 | Praça da República | 10h Jardim Florido do 50º aniversário da APPACDM sex 13 | Jardim Público | 19h Confeção de um tapete de sal pelas gentes da ribeira sáb

Trajes tradicionais do concelho de Viana

O Traje de Lavradeira, o Traje de Mordoma, o Traje de Noiva, o Traje de Meia Senhora, Traje de Dó, Traje de Domingar, Traje de Feirar, Traje de Trabalho… são principalmente usados nas diversas festas e romarias que se realizam ao longo do ano, por todo o concelho. É o momento escolhido para se trazer o passado ao presente, vestindo um destes trajes tradicionais.  É durante a realização da Romaria da Senhora d’Agonia que se concentra um maior número de trajes, nomeadamente no Desfile da Mordomia, Cortejo Etnográfico e na Festa do Traje, ocasião para se admirar a beleza e riqueza de todos os detalhes dos tradicionais e coloridos trajes das diferentes freguesias do concelho de Viana do Castelo.  Estes são alguns dos trajes que tive oportunidade de contemplar, durante o Cortejo Histórico-Etnográfico e Desfile de Mordomia das Festas de Viana do Castelo deste ano.

“O Mundo dos Dinossauros” em Viana do Castelo

De 23 de Julho a 28 de Agosto, o Pavilhão de Exposição da AIMinho, no Campo da Agonia, em Viana do Castelo, recebe “O Mundo dos Dinossauros”, uma exposição que permitirá observar bem de perto os grandes répteis (figuras à escala real) e os cenários em que viveram. Esta é uma exposição que surpreende pelo seu realismo, pois as figuras reagem com movimentos e sons à passagem dos visitantes, o que a torna mais interactiva. Estes seres imponentes, extintos há milhões de anos, continuam a ser grandes atracções não só em museus, mas também em exposições como esta. Descubra o universo dos Dinossauros fazendo uma visita ao “parque Jurássico” do Pavilhão da AIMinho, em Viana do Castelo. HORÁRIO : Aberto todos os dias 2ª A 6ª Feira: 14H00 às 22H00 Sábado, Domingo, Feriado, Festas: 11H00 às 23H00 PREÇOS: Adulto: 5,00€ por pessoa Crianças (3-12 anos): 3,50€ por pessoa Família (Pais e 3 filhos c/idade inferior a 12 anos): 15,00€ Grupo (Mínimo de 15 pessoas): 2,50€ por pessoa

Já é conhecida a programação completa do LER EM VIANA

LER EM VIANA é um evento cultural que vai decorrer de 23 de abril a 7 de maio, no Centro Cultural de Viana do Castelo. Contempla uma vasta programação, que inclui diversas iniciativas como a 42.ª FEIRA DO LIVRO, a 13.ª edição dos CONTORNOS DA PALAVRA, sessões de lançamento de livros, conferências, oficinas, encontro com escritores, espetáculos, teatro e concertos. A abertura da FEIRA DO LIVRO tem lugar no dia 23 de abril às 15h00, e vai decorrer até 7 de maio, com o seguinte horário: Sábados e Domingos das 15h00 às 23h00 e Segunda a Sexta-feira das 17h00 às 23h00. Consulte toda a Programação do LER EM VIANA, clicando AQUI .